Cores como reflexo dos desejos da sociedade

Cada cor relaciona-se a um sentimento que ela passa,

Blog

Cada cor relaciona-se a um sentimento que ela passa, isso já é uma coisa que todo mundo que trabalha com marketing, moda, beleza, comunicação já sabe. Mas eu escrevo aqui para reforçar nossa atenção no que representa as cores e também no motivo delas de repente surgirem com uma força tão grande, partindo de diversas marcas, por exemplo. Nós que somos da area da beleza, devemos estar aptos a captar rapidamente esses sentimentos que estão pairando no ar (o famoso zeitgeist) para acertarmos em cheio no desejo dos consumidores que queremos atingir. Isso é um exercício que vale para todos da área da beleza, seja de desenvolvimento, marketing ou mesmo artista de maquiagem. Compreender as cores como reflexo dos desejos da sociedade é uma ferramenta de trabalho.

Para quem está começando nesse mundo, um maravilhoso exercício ee olhar para as semanas de moda e observar os lançamentos de produtos, as cores escolhidas para sombras, para batons, para blushs… Eu fiz um pequeno álbumd e alguns tons que apareceram com destaque nas semans de moda de Nova York e Londres – tá lá no meu instagram – @cacahabeyche

Dá para relacionar cada cor ao sentimento que ela passa, e por isso algumas cores acabam "pegando" como tendência para determinada época. A movimentação dos consumidores é aspiracional e sensorial, de sentimento e relacionamento com tudo que usa e consome. E com as cores, texturas e formas elas conseguem expressar e de uma certa forma suprir determinadas necessidades, por isso que determinada cor pega mais para determinados nichos, períodos do ano, lugares, e períodos – as cores se relacionam com o que se esta vivendo.

Por exemplo, atualmente uma das grandes questões de vários segmentos da sociedade, em diversos países, são relacionadas à preservação de recursos naturais entre outros aspectos relacionados à natureza, e temos em várias marcas de beleza muita coisa em tons de verde, que são as cores que estão entre as que mais saem. Isso porque são tons que se relacionam com o sentimento de aproximação da natureza, do sentimento, da necessidade, da vontade de expressar uma conexão.

Outro exemplo interessante é que em tempos de insegurança, cores mais cozy, mais aconchegantes, que transmitem conforto (assim como formas mais arredondadas), pipocam muito porque elas são uma como uma forma de "suprir" esteticamente o desejo por mais segurança, (em diversos aspectos desse conceito de segurança), por tranquilidade, por dias mais amenos.  

Eu tenho visto muito os tons rosinha pastel em decor em beleza, mesmo depois do boom do rosa millennial, e é claro que esse tom está alta porque traz aconchego, delicadeza. Entre as cores selecionadas pela Pantone para representar o próximo ano, temos um azulzinho "Little Boy Blue" que tem tudo a ver com isso.

É possível se aprofundar em estudos sobre cores e formas e suas relações com o subconsciente humano de diversas formas, (cursos, workshops e etc são oferecidos em diversas áreas) se você gosta desse assunto e quer entender mais sobre isso, saiba que é uma porta para entendimento do mundo que te deixará com a percepção bem mais aguçada para tudo, e assim para compreender as pessoas, as empresas, as escolhas, e por fim, mesmo, sem exagero, o mundo. 

 

As cores do Verão 2018 segundo a Pantone (para nós do hemisfério sul, já meio que valem para este verão 2017/2018, né?!)

Compreender as cores como reflexo dos desejos da sociedade é uma ferramenta de trabalho.

 

Veja mais ideias sobre tendências da indústria da beleza:

• no meu insta @cacahabeyche
• no meu Pinterest /cacahabeyche
• E nos posts aqui no blog – Tendências