Maquiagem e as consumidoras do futuro

Você está de olho nos consumidoras do futuro? Dei uma entrevista para o portal Cosmética News

Blog

Você está de olho nos consumidoras do futuro? Dei uma entrevista para o portal Cosmética News há um tempinho, e achei interessante deixar o link aqui. Na matéria, podemos observar diversos dados e pontos sobre consumo de adolescentes e pré-adolescentes, nichos e posicionamentos de marcas de cosméticos e maquiagens. 

"A chegada de uma nova geração de consumidoras, que não tem medo de se maquiar, está mudando o modo como a indústria de maquiagem pensa seus produtos mundo afora. É uma ótima oportunidade para a categoria fincar de vez os pés no varejo local" começa o texto que tem informações de empressas nacionais, internacionais e profissionais da área de beleza.

Um trecho que contribuí:

"Para a especialista em maquiagem Cacá Habeyche, consultora de desenvolvimento de produtos e maquiadora, ser forte, ter auto-conhecimento e descobrir os pontos que lhe favorecem, já são características dessa nova geração que está consumindo maquiagem. "Elas não têm medo de experimentar, porque não têm medo de errar. Isso já é uma mentalidade da nova geração e isso reflete na maneira como elas usam maquiagem, para auto-afirmação, para reforçar seu estilo pessoal. E não só  mais para disfarçar defeitos (NE: embora essa continue sendo uma busca comum)", situa ela, afirmando que este é apenas um dos pontos que têm moldado esta nova geração. E isso se reflete no tempo que ela dedica a maquiagem na sua rotina de beleza. Uma pesquisa global realizada pela Euromonitor em 2015, aponta que as millennials (classificadas como pessoas entre 20 e 35 anos, nesta pesquisa) gastam quase dez minutos da sua rotina beleza diária de beleza com maquiagem. Bem mais que os pouco mais de cinco minutos dedicados  por consumidoras da geração X, com mais de 35 anos. O mesmo acontece quando o assunto é cuidado com o rosto, no qual as millennials gastam mais do que dez minutos todos os dias. É preciso ter em conta que boa parte dessa rotina de pele, principalmente no caso dessas jovens, tem a ver com a preparação da pele para receber a maquiagem e, não apenas, para limpar, tonificar e hidratar a pele. No caso das consumidoras da Geração X, o tempo gasto em cuidados com o rosto é de pouco menos de 10 minutos. No final, o único grupo de consumidoras que consegue se aproximar do tempo dedicado aos cuidados com a beleza pelas millennials é a geração Z, que abarca desde crianças de seis até jovens de 20 anos.
Outro ponto que tem favorecido o consumo de maquiagem pelas consumidoras mais jovens diz respeito à maior disponibilidade e a variedade de marcas existentes atualmente, que atendem a todas as idades, gostos e características. "Isso de a marca estar acessível é um grande diferencial também, porque, antigamente maquiagem (boa) era artigo de luxo", lembra Cacá."

Link para a matéria completa:

O futuro nas mãos delas

Boa leitura!